Romantismo Vintage

Edição comemorativa de Alma de Flores celebra os 65 anos da empresa gaúcha Memphis. Versão Queen quer alçar a marca à uma categoria premium e remete à tendência vintage   


Há algum tempo, o movimento vintage voltou à pauta no mundo da moda, da beleza e até da decoração das casas. Trata-se de um estilo de vida que recupera tendências das décadas de 1920, 1930, 1940, 1950 e 1960. Exemplo visual disso são as mulheres com estilo pin-up: delineadores marcados, batons vermelhos e vestidos acinturados; que surgiu na década de 1920 – mas se estendeu ao longo dos anos e remete ao emponderamento feminino – e trouxe, em seu retorno atual, movimentação importante em cores e lançamentos para o mercado cosmético.
   
No mercado brasileiro, bom exemplo de uma empresa que soube aproveitar essa “onda”, foi a gaúcha Memphis, que lançou kits em latinhas retrô para esmaltes, cremes e sabonetes. A estratégia deu tão certo que a marca invadiu importantes blogs de moda e beleza e virou febre entre as mulheres da geração Y: consumidoras ávidas por esses mimos.
   
Comemorando 65 anos de história, a companhia mantém a estratégia de aliar tradição e inovação com o objetivo de conquistar o novo público consumidor brasileiro, mais consciente, exigente e antenado. Por esse motivo, a clássica e consolidada linha Alma de Flores, criada em 1949, ganha uma versão comemorativa com a pretensão de ressaltar a personalidade, o romantismo e a tradição da marca. Alma de Flores Queen traz, com conceito vintage, a essência inspirada na perfumaria internacional, e é composta por loção hidratante, talco corporal iluminador e sabonete; produtos que oferecem um tratamento de rainha em todos os momentos, inclusive na hora do banho.
   
A fragrância dos produtos é da família olfativa floral frutal gourmand e possui em suas notas de saída, cítricos hesperídicos, maçã e notas frutais tropicais; nas notas de corpo, gerânio, damasco e frutas vermelhas; e nas notas de fundo, patchuli, baunilha e acorde powdery.

Embalagem “in”
Como já foi dito, a tendência vintage, mais do que uma moda, é quase um estilo de vida que se reflete no vestuário, na maquiagem e no comportamento, chegando mesmo ao imaginário feminino. A noção da sensualidade que dá poder à mulher foi bastante explorada na figura da pin-up, que ao longo do tempo foi encarnada por mulheres como: Brigitte Bardot, Carmen Miranda, Marilyn Monroe e Sophia Loren.
   
É com essa mulher “rainha” que a edição especial de Alma de Flores Queen quer se comunicar. Aqui, as embalagens do lançamento tiveram papel imprescindível. Os sabonetes Alma de Flores Queen, por exemplo, são acompanhados por bulas, que trazem cartas de rainhas recortáveis e colecionáveis – são 20 modelos diferentes – que representam o amor, a conquista, a sedução e outras ações que buscam resgatar o romantismo e as atitudes sonhadoras de toda mulher. Os textos personalizados se aproximam de cada momento que ela está vivendo e dos segredos da alma feminina.
   
As embalagens foram pensadas em parceria com a agência Bendito Design e, de acordo com André Onder, diretor Comercial da Memphis, foram realizadas análises de mercado entre mulheres e percebeu-se que a afirmação “toda mulher já sonhou em ser rainha” nunca esteve tão apropriada à realidade feminina atual, que pode soar mesmo contraditória. “Elas têm tudo que suas mães e avós não tiveram – liberdade, dinheiro e carreira. No entanto, sonham com filhos e com um marido perfeito. O perfil das jovens brasileiras revela consonância com valores tradicionais, embora os hábitos estejam inseridos em um processo acelerado de mudança”, explica o dirigente.

O lançamento pretende alçar a tradicional marca a um posicionamento mais premium, movimento que a indústria tem feito com frequência para atingir ao novo consumidor brasileiro. “Alma de Flores Queen é uma linha de produtos premium, que se destaca por seus atributos e apresentações. As embalagens em tons pastel, dourado metálico, tipografia em estilo vintage e ilustrações com efeito aquarelado evidenciam luxo, diferenciação e romantismo. Sua fragrância é doce e marcante, combina maçã, frutas tropicais, frutas vermelhas, patchuli e baunilha. Sem falar que os ativos especiais das fórmulas, que fazem do banho e do pós-banho experiências únicas”, descreve André Onder.
   
Para a confecção dos produtos da linha foram utilizados PP, PE de baixa e de alta densidade e pigmentos. Os materiais foram fornecidos por diversas empresas do segmento plástico, as quais a Memphis prefere não revelar.
}

Comentários ()

Vídeo em Destaque

VEJA TODOS OS VÍDEOS

Blogs

Tags