Profarma avança no varejo farmacêutico com compra da Drogarias Tamoio

Distribuidora comprou 50% da rede fluminense. Negócio acontece poucos dias depois da compra da Drogasmil e da Farmalife


Poucos dias depois de surpreender o mercado, com a aquisição das operações das redes Drogasmil e Farmalife, pertencentes à Casa Saba, a distribuidora de medicamentos e cosméticos Profarma, anunciou a aquisição de 50% da Drogaria Tamoio, rede com 57 lojas espalhadas por 18 cidades do Rio de Janeiro, principalmente no interior. A forte atuação da Tamoio no segmento de higiene pessoal e cosméticos, foi considerada um forte diferencial da rede pela compradora. Em 2012, a receita bruta da Tamoios em 2012 foi de R$ 321,3 milhões.

Com a operação, somadas as vendas totais das três bandeiras, a operação de varejo da Profarma se consolida na vice-liderança do mercado fluminense, atrás da DPSP, dona da Drogarias Pacheco, a maior do estado. Serão 140 lojas e vendas totais da ordem de R$ 700 milhões. A rede também ingressa no ranking dos 10 maiores grupos do varejo farmacêutico brasileiro.

A Profarma irá pagar a compra de 50% do capital total da Tamoio por meio de aporte primário de R$ 62,3 milhões e aquisição secundária de R$ 43,1 milhões.

“A aquisição reforça mais uma vez a estratégia da Profarma de entrada no setor do varejo farmacêutico, diversificando e expandindo os negócios da Companhia em um segmento com maiores margens, que apresenta boas oportunidades de crescimento e consolidação.” afirma o diretor Financeiro e de Relações com Investidores da Profarma, Max Fischer. Enquanto os grandes distribuidores de medicamentos operam com margens EBITDA da ordem de 2% a 3%, grandes varejistas do setor, como a Raia Drogasil, uma referência de eficiência no varejo, operam com margens ao redor dos 7%.
}

Comentários ()

Vídeo em Destaque

VEJA TODOS OS VÍDEOS

Blogs

Tags